Sarau de Canto e Poesia

Resultado de uma parceria entre a EB António Correia de Oliveira e a Escola de Música de Esposende, alunos de Canto da professora Ana Vintena e alunos do 8.º e 9.º anos promovem a realização de um Sarau de Canto e Poesia, a ter lugar no próximo dia 29 de março, às 21:00h, na biblioteca da António Correia de Oliveira.

Participação aberta aos interessados.

Anúncios

EBACO na Sicília em projeto Erasmus+

No âmbito do projeto “Read To Animate” – Erasmus+, um grupo de alunos e professores da EB António Correia de Oliveira – Esposende deslocou-se a Letojanni, na Sicília, na segunda semana de março.

Juntamente com os colegas oriundos das escolas parceiras neste projeto – Bulgária, Estónia, Grécia, Itália e Polónia – participaram com muito entusiasmo em várias atividades, tais como workshops de arte, jogos, visitas ao vulcão Etna, ao “Horcynus Orca”, ao Parque Botânico Alcantara, a Taormina e a Messina, entre outras.

Tratou-se de uma iniciativa muito enriquecedora para todos os participantes, que destacaram a beleza dos locais visitados, a organização do programa da semana a cargo da escola anfitriã e, acima de tudo, a receção e o tratamento caloroso de todas as famílias que acolheram os alunos, da escola e de todos os envolvidos nas atividades levadas a cabo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

SEEDS – Projeto Erasmus+ | Finlândia

Um grupo de alunos do 8.º e 9.º anos da EB António Correia de Oliveira, acompanhado pelos professores Nathalie Gonçalves e Miguel Pimenta, encontra-se em Mikkeli, na Finlândia, no âmbito do projeto “SEEDS – School-based Ecology and Endangered plant Discoveries” (Erasmus+).

Depois de uma pequena passagem por Helsínquia, o grupo chegou ontem a Mikkeli, tendo hoje sido recebido na escola anfitriã.

Que esta semana seja memorável!

“Dos Alunos Perfilados ao Perfil dos Alunos” | Dr Laborinho Lúcio

Este slideshow necessita de JavaScript.

A biblioteca escolar recebeu, na noite do dia 18 de fevereiro, o Dr Álvaro Laborinho Lúcio que proferiu uma palestra subordinada ao título “Dos Alunos Perfilados ao Perfil dos Alunos”.

Foi com agrado que a plateia, constituída por professores, pais/encarregados de educação e outros elementos da comunidade local, ouviu o ex-ministro da Justiça, enquanto “profano”, partilhar as suas ideias, fruto da reflexão crítica que faz sobre educação, um tema de sobejo interesse para si.

Entre outras ideias, defendeu, já de um ponto de vista “nada profano”, que a “educação e a escola devem ser pensadas a partir da criança” e lamentou o facto de se “encharcarem as crianças de tal maneira com competências que nunca se chegam a saber quais as suas capacidades”.

A equipa da biblioteca escolar sente-se honrada com a presença de tão ilustre figura e grata pela partilha de ideias tão inspiradoras, e ficou rendida à clareza com que as expõe, ao humor que pontua o seu discurso e à sua simpatia.

Para a concretização desta atividade foi crucial o apoio de um grupo alargado de colaboradores da biblioteca escolar e da APEBACO, a quem a equipa da biblioteca escolar agradece.

“Dos Alunos Perfilados ao Perfil dos Alunos”, por Dr Laborinho Lúcio

A biblioteca escolar da Escola Básica António Correia de Oliveira recebe, no próximo dia 18 de fevereiro, às 21:00h, o Dr. Álvaro Laborinho Lúcio – professor universitário,  jurista, magistrado, ex-ministro da Justiça, escritor…- que, partindo do mote “Dos Alunos Perfilados ao Perfil dos Alunos”, estará à conversa com professores, pais/encarregados de educação e demais interessados.

A equipa de coordenação das bibliotecas escolares convida a comunidade educativa e local a participarem nesta iniciativa, que conta com o apoio da Associação de Pais e Encarregados de Educação da escola (APEBACO), uma oportunidade de conhecerem a Escola e a Educação, sob o ponto de vista do orador.

Participe e deixe-se contagiar pelo pensamento desta destacada e inspiradora figura da esfera pública nacional!

O que sabe sobre a Declaração Universal dos Direitos Humanos?

“O 70.º aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos assinala-se esta segunda-feira. O PÚBLICO reuniu algumas questões sobre os artigos que compõe a carta, os seus defensores e abstencionistas e ainda sobre quem a deveria ter escrito.”


[Clicar sobre a imagem.]